Iniciar sessão

Navegar para Cima
Instituto de Investigação
em Vulcanologia e Avaliação de Riscos
Última hora:
  • Atividade sísmica no arquipélago dos Açores encontra-se, em geral, dentro dos níveis normais de referência



 

Vulcões Activos

 
 

 geologia dos açores

 

 Vulcão de Água de Pau (Fogo)

Sumário


O Vulcão Água de Pau fica situado na zona central da ilha de S. Miguel e corresponde a um vulcão poligenético com caldeira, no interior da qual se destaca a existência da Lagoa do Fogo.

 

A caldeira apresenta uma evolução complexa, sendo a sua forma mais recente o resultado da conjugação de diversas fases de explosão e colapso, a mais significativa das quais está associada a uma erupção paroxismal ocorrida há cerca de 15.000 anos.

 

Nos últimos 5.000 anos, o Vulcão Água de Pau foi palco de 5 erupções explosivas traquíticas. A erupção pliniana datada de há 4520±90 B.P. corresponde à maior erupção ocorrida no arquipélago dos Açores durante o Holocénico, tendo dado origem a um espesso depósito de pedra pomes denominado Fogo-A. A actividade histórica é marcada por uma erupção explosiva intracaldeira freatopliniana, em 1563, seguida de uma erupção basáltica do tipo havaiano, localizada no flanco NW do vulcão, mais concretamente no Pico Queimado. Em 1564 deu-se uma explosão freática no interior da caldeira.

 

Presentemente, as manifestações secundárias mais relevantes localizam-se no flanco norte do aparelho, incluindo campos fumarólicos (Caldeira Velha, Caldeiras da Ribeira Grande e Pico Vermelho), nascentes minerais frias ricas em CO2 (Lombadas), nascentes termais (Ladeira da Velha) e áreas de desgaseificação difusa. Os reservatórios hidrotermais associados ao Vulcão de Água de Pau são alvo de exploração geotérmica, existindo duas centrais em funcionamento (Pico Vermelho e Cachaço-Lombadas).​

Bibliografia Recomendada


BOOTH, B., CROASDALE, R. e WALKER, G. (1978) – A quantitative study of five thousand years of volcanism on S. Miguel, Azores. Phil. Trans. R. Soc. Lond., 228, pp. 271-319.

 

FERREIRA, T. (2000) – Caracterização da actividade vulcânica da ilha de S. Miguel (Açores): vulcanismo basáltico recente e zonas de desgaseificação. Avaliação de riscos. Tese de Doutoramento no ramo de Geologia, especialidade de Vulcanologia. Universidade dos Açores, Departamento de Geociências, 248 p.

 
WALLENSTEIN, N. (1999) – Estudo da história eruptiva recente e do comportamento eruptivo do vulcão do Fogo (S. Miguel, Açores). Avaliação preliminar do hazard. Tese de doutoramento no ramo de Geologia, especialidade de Vulcanologia. Universidade dos Açores, Departamento de Geociências, 266 p.​