Iniciar sessão

Navegar para Cima
Instituto de Investigação
em Vulcanologia e Avaliação de Riscos
Última hora:
  • Ilha de S. Jorge (Sistema Vulcânico Fissural de Manadas) em Alerta Científico V3, após reativação do sistema vulcânico em profundidadeIlha Terceira (Vulcão de Santa Bárbara) em Alerta Científico V2 devido aos níveis de atividade microssísmicaAtividade sísmica na ilha de São Jorge encontra-se acima dos valores normais de referênciaAtividade sísmica no Vulcão de Santa Bárbara (ilha Terceira) encontra-se acima dos valores normais de referênciaCrise sismovulcânica de S. Jorge, último sismo sentido: 3 de dezembro às 00:42h, intensidade máxima III/IV na freguesia de Santo AmaroCIVISA apela ao preenchimento do inquérito de macrossísmica em caso de sentir um sismo



Resumo


 

A ilha de S. Miguel apresenta um elevado índice de sismicidade na sua parte central, onde se desenvolvem os sistemas vulcano-tectónicos do Fogo, Congro e Furnas. Embora menos frequentemente, também no maciço das Sete Cidades se tem registado alguma sismicidade. Tais zonas contrastam com o observado no Sistema Fissural dos Picos e na região do Nordeste, onde a sismicidade é residual. Os sismos de maior magnitude têm-se localizado no mar, nas estruturas submarinas que marcam a existência do Rift da Terceira (s.l.). Neste contexto, assumem especial significado a Fossa da Hirondelle, a oeste, e o segmento que se estende desde o sul da ilha até aos ilhéus das Formigas, ao longo de uma direcção geral NW-SE.

Nos últimos 30 anos, os dois sismos sentidos com maior intensidade na ilha de S. Miguel ocorreram em 1988 e atingiram o grau VI-VII (MM-56). Foram eles o sismo de 16 de Outubro que se localizou a cerca de 23 km a SSW da Povoação e teve magnitude 5 e o sismo de 21 de Novembro, com epicentro a NW dos Mosteiros e magnitude 5,3.

 



 

Bibliografia Recomendada


CIVISA (2009) - Base de dados do Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores. Centro de Vulcanologia e Avaliação de Riscos Geológicos da Universidade dos Açores.

NUNES, J.C. (1991) – Microssismos e neotectónica: contribuição para o seu estudo nos Açores. Provas de Aptidão Pedagógica e Capacidade Científica. Departamento de Geociências da Universidade dos Açores, 245 p.

NUNES, J.C., ALVES, J.L. e FORJAZ, V.H. (1992) – Sismicidade instrumental dos Açores no período 1980-89: implicações neotectónicas. In OLIVEIRA, C.; LUCAS, A. e GUEDES, J. - 10 anos após o sismo dos Açores de 1 de Janeiro de 1980. Açores: Secretaria Regional da Habitação e Obras Públicas/Laboratório Nacional de Engenharia Civil, V. 1, pp. 163-174.