Iniciar sessão

Navegar para Cima
Instituto de Investigação
em Vulcanologia e Avaliação de Riscos
Última hora:



Resumo


A ilha do Faial apresenta um conjunto de estruturas tectónicas com direcções WNW-ESE e NNW-SSE a NW-SE, que estão na origem do controlo da actividade vulcânica responsável pela edificação da ilha. O sistema de falhas de orientação WNW-ESE é dominante e corresponde a acidentes tectónicos paralelos com o troço ocidental da fronteira das placas Eurasiática e Africana (Núbia). Este controlo estrutural está bem expresso no Graben de Pedro Miguel e também no alinhamento de cones de escórias da Península da Capelo. O sistema de direcção NNW-SSE a NW-SE apresenta menor expressão e está mais fracamente representado no terreno. De salientar, ainda: o sistema de falhas radiais do Vulcão Central, associado ao desenvolvimento de cones adventícios; um sistema de falhas circulares, aproximadamente concêntricas com a caldeira; alinhamentos vulcano-tectónicos de orientações NE-SW a ENE-WSW.


 


 

Bibliografia Recomendada


COUTINHO, R. (2000) – Elementos para a monitorização sismovulcânica da ilha do Faial (Açores): Caracterização hidrogeológica e avaliação de anomalias de Rn associadas a fenómenos de desgaseificação. Tese de doutoramento no ramo de Geologia, especialidade de Vulcanologia. Universidade dos Açores. 342 p.

 

MADEIRA, J. (1998) – Estudos de neotectónica nas ilhas do Faial, Pico e S. Jorge: uma contribuição para o conhecimento geodinâmico da junção tripla dos Açores. Tese de Doutoramento no ramo de Geologia, especialidade em Geodinâmica Interna. Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, 428 p.

 

MADEIRA, J. e SILVEIRA, A. B. (2003) – Active tectonics and first paleoseismological results in Faial, Pico and S. Jorge islands (Azores, Portugal). Annals of Geophysics, Vol. 46, N. 5, pp. 733 – 761.

 

PACHECO, J. (2001) – Processos associados ao desenvolvimento de erupções vulcânicas hidromagmáticas explosivas na ilha do Faial e sua interpretação numa perspectiva de avaliação do hazard e minimização do risco. Tese de doutoramento no ramo de Geologia, especialidade de Vulcanologia. Universidade dos açores, 330 p.

 

SERRALHEIRO, A., MATOS ALVES, C.A., FORJAZ, V.H. e RODRIGUES, B. (1989) – Carta Vulcanológica dos Açores – ilha do Faial à escala 1:15000. Edição do Serviço Regional de Protecção Civil, Universidade dos Açores e Centro de Vulcanologia do INIC, 4 folhas.

 

ZBYSZEWSKI, G., ALMEIDA, F. M., FERREIRA, O. V., ASSUNÇÃO, C. V. (1959) – Carta Geológica de Portugal na escala 1:25 000. Notícia explicativa da folha Faial (Açores). Serviços Geológicos de Portugal. Lisboa, 25 p.